Avatar

sábado, 29 de agosto de 2015

Assédio Espiritual e as Personalidades Múltiplas

Boa tarde amigos,como estão?

Estivemos sem postagens por um período devido alguns problemas, retornamos com esta última análise ainda sobre Obsessões e seus tipos, estaremos respondendo aos emails que recebemos e demais notificações, agradecemos novamente a todos os leitores amigos pelo carinho e amizade.

Hoje falaremos sobre a Síndrome de Personalidade Múltipla (SPM) ou Transtorno Dissociativo de Identidade é a existência de duas ou mais personalidades distintas e separadas numa mesma pessoa, sendo que, cada uma delas apresenta comportamento, atitude e sentimento próprio. O Espiritismo considera alguns casos como provindos de assédios e contamos com obras de estudo, apresentadas a seguir.

O escritor espírita Hermínio C. Miranda, autor do livro Condomínio Espiritual. Ele reuniu nesta obra, algumas raridades bibliográficas escritas por médicos que participaram diretamente da terapia e pesquisa com seu paciente. Também tem outros casos, mais recentes, e também dramáticos, que de tão espetacular, suas histórias foram publicadas em livros, lançados nos EUA, Hermínio C. Miranda reuniu em obra algumas raridades bibliográficas escritas por médicos sendo que, um destes casos virou filme intitulado 'As três faces de Eve'.


Quando o indivíduo apresenta comportamentos diferentes (dois, três ou mais), isto é, age como se fosse portador de várias personalidades, na mesma existência, a Ciência chama ao fato de estados intermediários, personalidades secundárias, "desintegrações", alterações e dissociações da personalidade, fugas, múltiplas personalidades.

Léon Denis, em O PROBLEMA DO SER, DO DESTINO E DA DOR, assim se expressa quanto aos casos de dupla personalidade:

"Em certos casos, vê-se aparecer em nós um ser muito diferente do ser normal, possuindo não só conhecimentos e aptidões mais extensas que as da personalidade comum, mas, além disso, dotado de modos de percepção mais poderosos e variados. As vezes mesmo, nos fenômenos de segunda personalidade, o caráter se modifica e difere por tal forma do caráter-habitual, que tem havido observadores que se julgaram na presença de um outro indivíduo".

Depois de citar o caso de Félida, estudado pelo Dr. Azam, conclui o notável estudioso do Espiritismo: "Vê-se que não há aí em jogo várias personalidades, mas simplesmente vários estados da mesma consciência".


O caso de Félida, é tradicional. A moça nasceu em Bordéus, em 1843, de pais sadios, mas começou, aos 14 anos, a cair em estados de extrema prostração, após os quais se mostrava outra, completamente diferente. Foi observada e tratada pelo Dr. Azam que relata ser a moça de pele morena, robusta, inteligente, melancólica, discreta, falando pouco, devotada ao trabalho. Tem crises, com violentas dores de cabeça e parece dormir, porque nada a desperta, mas, de repente, levanta-se e se mostra alegre, sorridente, falando muito, cantarolando, jovial e dando-se a passeios. Nesse segundo estado, lembra-se de sua existência normal, mas Félida nada sabe da segunda personalidade ou do que ela faz.

Gabriel Delanne escreve "que não se legitima aqui a presunção de duas individualidades distintas, antes nos parece mais verossímel e racional a manifestação de dois aspectos diferentes da mesma individualidade" - A EVOLUÇÃO ANÍMICA:

O fenômeno se identifica com a possessão, segundo o ensino da Doutrina Espírita; todavia, pelo menos em certos casos, não se poderia atribuir os fatos a. vivência de personalidades passadas, de encarnações pretéritas, quando a Alma, liberta por uma espécie de transe (as personalidades diferentes surgem depois de crises das pessoas predispostas), colocar-se-ia em condições de reviver o que fora, em outras vidas?

As cronicas registram numerosos casos de múltiplas personalidades, quando duas ou mais pessoas "vivem" simultaneamente no mesmo corpo, por períodos curtos ou longos. 

O caso mais impressionante até hoje considerado foi o de Sybil, o termo utilizado por  Hermínio C. Miranda como "condomínio" se deu pela observação de muitas personalidades como o notório caso; Sybil contava com 16 diferentes personalidades, era médium e  sua história foi escrita por Flora Rheta Schreiber, publicado em 1973, se tornou best-seller e já vendeu seis milhões de exemplares. Flora descreve as 16 entidades que se encontravam ao lado de Sybil, sendo 14 femininas e duas masculinas.

Estes casos podem ser melhor observados através da leitura das obras mencionadas, deixamos um deles, Condomínio Espiritual para download aos interessados:
https://www.google.com.br/url?sa=t&rct=j&q=&esrc=s&source=web&cd=1&cad=rja&uact=8&ved=0CC0QFjAAahUKEwi4u5aT2M7HAhXIj5AKHTooAy8&url=http%3A%2F%2Fwww.kardecian.org%2FDownload%2Fciclos_arquivo_ppt%2FCondominio_Espiritual-SandraB.pptx&ei=o9rhVfjdD8ifwgS60Iz4Ag&usg=AFQjCNGCNNMf75D-iMZBPD__o2DaNxT4iQ&sig2=KGUqBKO52kQm1pC7PsqFZQ

Abraços amigos e ótimo final a todos!
Flávia e Alexandre