Avatar

segunda-feira, 22 de abril de 2013

A CIÊNCIA E A ESPIRITUALIDADE



A experiência na graduação da UNIFESP
Com o trabalho intitulado “Espiritualidade e Saúde: uma experiência na graduação em Medicina e Enfermagem” desenvolvido por Valdir Reginato e Dante Marcello Claramonte Gallian na Unfesp, onde introduziram uma disciplina eletiva de Espiritualidade e Medicina para estudantes de medicina e enfermagem com o objetivo de uma conscientização desta abordagem no paciente, visando um atendimento mais humanizado. 
Em quatro anos (2007-2010) 114 estudantes frequentaram a disciplina, sendo 63 de medicina (28 homens e 35 mulheres) e 51 de enfermagem (todas mulheres). Avaliou-se por questões objetivas de múltipla escolha o significado que os estudantes davam ao tema previamente, e posteriormente a repercussão do curso para o seu futuro profissional. 
O estudo evidenciou que os estudantes verificaram a importância da espiritualidade do paciente no processo saúde-doença e da formação profissional, mais destacada pelas estudantes de enfermagem em relação aos de medicina. Dos participantes, 95% recomendaram o curso para todos estudantes da área da saúde.
A conexão entre faculdades de medicina , psicologia e áreas afins é uma tendência que se observa no Brasil em todos os estados e no mundo, sendo mais amplamente explorada fora do Brasil.
Para que se tenha uma idéia do que narro no texto, coloco algumas chamadas de cursos já realizados, abordando o tema.
É também um convite á reflexão.